Inside Llewyn Davis é a pura vida real em um filme

0 Flares 0 Flares ×

Inside Llewyn Davis é um filme excelente para quem, assim como eu, admira um gênero de filme “inexistente”. O gênero da “vida real” (Anos Incríveis, Ladrões de Bicicleta, Conta Comigo, How I Met Your Mother, Entre Nós…)

Se bem que, nas obras citadas acima, temos todas as emoções possíveis, na trama em questão, apenas frustrações. Os diretores Ethan Coen e Joel Coen não fizeram questão nenhuma em florear a vida de Llewyn, aqui nós temos o foco total no fracasso do personagem.

Você já teve alguma época da vida em que tudo deu errado? 

Pois bem, no longa temos Llewyn Davis (Oscar Isaac), um jovem cantor de folk. Ele não tem casa, não consegue shows com frequência, seus relacionamentos são furados, seu único consolo é quando consegue encontrar algum amigo que o deixe passar a noite.

Existem 2 coisas certas na vida, uma é a morte, a outra é que você irá fracassar em vários momentos de sua jornada. Não adianta falar que não. O fracasso lhe acompanhará, ou, parafraseando Clóvis de Barros: “A tristeza lhe acompanhará”.

“Se quiser ver um final feliz, assista um filme de Hollywood” – Woody Allen.

Inside Llewyn Davis – Balada de Um Homem Comum é um dos filmes com a maior lição que uma obra de ficção poderia lhe passar. Serve para qualquer fase de sua vida. Seja para quando você está bem, ou não. Ali é o verdadeiro retrato da vida real, é onde nós finalmente notamos o óbvio, a vida não é fácil e nem todo final é feliz.

O próprio título do longa já deixa claro “Balada de Um Homem Comum”.

Llewyn é um homem comum, cheio de defeitos. Assim como eu e você, mas a grande sacada desse jogo chamado vida é ter consciência de nossas imperfeições.

De maneira alguma digo para você ser perfeito, digo para você ser o melhor imperfeito que puder. Saiba suas limitações, reconheça seus erros, mas nunca, jamais, em hipótese alguma, deixe de evoluir.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×

Henry Braga

Assisto preferencialmente o que não está na moda, gosto de livros, quadrinhos, séries e filmes. Também sei admirar DC e Marvel (sim, é possível), ainda tenho meu Super Nintendo. Seinfeld, Anos Incríveis e Watchmen são algumas de minhas preferências.