5 Filmes inesquecíveis da sessão da tarde

0 Flares 0 Flares ×

Se você teve a sorte de ser uma criança entre os anos de 80 e 90 certamente curtiu vários clássicos da sessão da tarde. Hoje iremos relembrar cinco deles.

Vamos começar lembrando do filme mais reprisado de todos os tempos…  “A Lagoa Azul” (1980) | Direção: Randal Kleiser.

Reza a lenda que se você ligasse na Sessão da Tarde era esse filme que estaria passando. Um pouco de exagero, mas a história dos dois adolescentes (Richard Lestrange e Emmeline), que crescem e se apaixonam em uma ilha é a mais conhecida pelo público das décadas de 80 e 90.

___

Agora é a hora de vermos a saga do matador de aula profissional, Ferris Bueller. “Curtindo a Vida Adoidado” (1986) | Direção: John Hughes.

“A vida passa muito rápido, e se você não curtir de vez em quando, a vida passa e você nem vê”.

Logo no início do longa já tínhamos essa maravilhosa lição de moral. Em um dia Ferris Bueller brigou com sua irmã, matou aula com seus amigos, entrou em alguns restaurantes caríssimos, “roubou” uma Ferrari com seu amigo e, ainda, destruíram ela. Bueller, com sua inquietude, fez as pazes com sua irmã no mesmo dia, enganou seus pais (crianças, não façam isso) e fez o diretor da escola de bobo.

Ferris foi o herói dos adolescentes da década de 80.

___

“Quero ser Grande” (1988) | Direção: Penny Marshall.

Tom Hanks realizou o sonho de toda criança, ser adulto. Com uma atuação belíssima, Hanks foi indicado ao Oscar pelo papel.

Um filme simples, com muitos brinquedos, sonhos e uma única conclusão: ser criança é bom demais!

___

“Karate Kid – A Hora da Verdade” (1984) | Direção: John G. Avildsen.

Um dos filmes mais inspiradores que passava no horário nobre da sessão da tarde. Senhor Miyagi era o personagem por trás dos maiores ensinamentos.

“Para uma pessoa sem piedade no coração, viver é pior do que morrer”.

Ele ensinava como manter a calma, o valor da vida e o quão importante era encarar os desafios de frente. Excelente história. Excelentes ensinamentos. Excelente filme.

___

Para finalizar irei citar o filme que mais me tocava. “Conta Comigo” (1986) | Direção: Rob Reiner.

“Eu nunca vou ter amigos como eu tive com 12 anos. Meu Deus, e quem tem?”

Preciso dizer mais alguma coisa? Sim, preciso, esse filme é uma obra de arte.

O longa protagonizado por Gordie Lachance (Richard Dreyfuss, adulto), Chris Chambers (River Phoenix), Teddy Duchamp (Corey Feldman) e Vern Tessio (Jerry O’Connell) mostra um grupo de amigos em busca de uma aventura. Uma jornada de aprendizado que ficou gravado na memória dos garotos, pelo menos de Gordie.

Conta Comigo é, com certeza, um dos filmes que mais recordações da infância nos trazem.

___

Gostou da lista? Qual o filme que mais te marcou nessa época?

Leia outras Listas.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×