Attila, um cão badboy

0 Flares 0 Flares ×

México, Japão, ÍndiaFrança e Filipinas, sabe o que esses países tem em comum? Todos eles já tiveram seus heróis apresentados aqui no site, e hoje é dia de irmos até a Suíça para falar de um cão falante.

Attila – L’Intégrale foi criado no ano de 1967 por Maurice Rosy e Derib, sua primeira publicação foi no jornal Spirou.

attilasuica

Attila é um badboy indisciplinado, e graças a diversas mutações ele conseguiu seus poderes, então o cão que serviu de experimento dentre milhares de cães ganhou a possibilidade de poder falar várias línguas, andar ereto e pensar como um ser humano, o cachorro usa seus dotes para trabalhar como agente secreto para o governo, sua missão é perseguir espiões que querem roubar seu país.

Attila sofreu diversas alterações desde seu começo, alguns editores passaram pelas histórias, e dentre algumas coisas três parceiros se destacam: Ernest Bourrillan é seu mestre, ele é quem teria que “cobrir” o cão durante as missões, porém não é o que acontece normalmente, Odee é um jovem rapaz que é herdeiro de um misterioso castelo e Z14 é um cão espião criado pelo professor Comant.

attilapaginahq

No começo das publicações a histórias tinham uma pegada mais cômica, só depois de alguns anos com a inserção do Z14 que as histórias passaram para um lado mais sci-fi.

Mas não importa se o cão puxa para o humor ou para ficção, Attila é mais um dos diversos personagens curiosos que existem pelo mundo.

Gostou? Então saiba mais sobre outros personagens.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×