HQ’s Entrevista | Nestablo Ramos

0 Flares 0 Flares ×

Todo quadrinista cria heróis para salvar a terra dos vilões, mas Nestablo Ramos fez algo “fora da caixinha”, sim, ele também quer salvar a Terra, mas atráves da conscientização, para isso ele faz histórias que invertem os humanos com os animais. Com isso Nestablo  virou referência e suas HQs se tornaram tão importantes que você encontra exemplares nas bibliotecas escolares, venha saber um pouco mais sobre a vida dessa amante da natureza.

Nestablo, quero agradecer a oportunidade de realizar essa entrevista, te conheci graças a HQ Zoo, e posso te garantir, ela nos faz refletir sobre o consumo abusivo, mas vamos começar – Quem é Nestablo Ramos?

Um amante do planeta Terra e apaixonado pela vida animal. Sou vidrado em aventuras e gosto de contar as minhas. Acredito que entre problemas e soluções, esta última merece minha atenção. Trabalhar duro é a fórmula para realizar sonhos e reclamar, além de não adiantar, só faz te auto-sabotar. Não era pra rimar, mas rimou! 😀

zoo

2 – Quando nasceu a paixão pelos quadrinhos?

Acho que da mesma forma que para a maioria das crianças. Minha mãe me deu a primeira revista em quadrinhos e isso mudou minha vida. Cresci lendo muito, assistindo animações daqueles personagens fantásticos. Não poderia ser diferente: eu precisava ser um contador de estórias.

3 – E a ideia de criar uma HQ estilo da ZOO? De onde surgiu esse pensamento de inverter os papéis dos humanos com os animais?

No final da década de 90 assisti a uma matéria sobre uma famosa modelo brasileira flagrada usando peles de animais depois de se declarar contra. Aquilo me fez pensar bastante sobre como seria os animais usando peles humanas. O resto veio naturalmente, a princípio como uma história curta de 15 páginas, depois se tornou uma trilogia. Pesquisando descobri muitas possibilidades para explorar. Um desfile de moda era apenas a ponta do iceberg.

4 – Além dessa conscientização animal, você também trabalha com a conscientização ambiental em quadrinhos, correto? Como é o feedback das crianças com relação a isso?

A receptividade foi melhor do que eu esperava. São muitos e-mails que recebo de crianças e adolescentes que leram os quadrinhos Zoo e PET nas escolas e dizem ver a situação dos animais de forma diferente. Eles perceberam que os animais sentem dor e merecem ser respeitados. Além de gratificante, é inspirador. Sinto-me muito feliz em ser parte da mudança na vida dos leitores.

zooo

5 – Você tem mais algum trabalho de conscientização?

Os quadrinhos PET (Protetores da Existência na Terra) têm uma pegada parecida com Zoo, mas para um público mais jovem. Segue a linha super-heróis onde os personagens são todos animais humanizados que têm suas capacidades naturais transformada em superpoderes, tais como: força, velocidade, etc. Os temas são mais abrangentes, assim eu posso criar mais histórias com base nas diferentes necessidades do planeta. O primeiro livro abordou o tema Água. Outros estão a caminho, sempre tendo como princípios o heroísmo e a ecologia.

6 – Qual foi o trabalho que você teve mais satisfação em fazer?

Sem dúvida Zoo e PET. Por meio deles me sinto completo, sinto que estou usando minhas habilidades para ajudar e fazer minha parte. Ser um comunicador não é só um prazer, é uma responsabilidade.

7 – E com heróis você trabalha? 

Acabei me adiantando na resposta 5 e dei um “spoiler”! Antes de criar PET eu havia prometido que só voltaria a trabalhar com heróis se tivesse uma ideia diferente e original. PET veio como um raio dos céus!livropet

8 – Nestablo, nosso cenário de HQs é desvalorizado, já conversei com muitos quadrinistas que tem como foco os heróis, todos relatam a mesma coisa, a falta de incentivo e de até certo preconceito com relação aos leitores mais antigo, isso acontece com você também?

Penso que isso acontece com quase todos! Em minha opinião, o artista brasileiro não pode desanimar. Procure seu público, há leitores querendo ler o que é feito aqui, basta procurar com atenção e você encontrará. Seja positivo e faça por amor, o resto vem normalmente.

9 – Vamos encerrar por aqui, deixe todos seus contatos e endereços onde os leitores poderão comprar suas HQs.

Agradeço o convite para a entrevista, é sempre muito bom poder falar sobre o que gostamos de fazer. Não há coisa mais maravilhosa que fazer o que amamos! Grato a todos do HQs Com Café, acho uma excelente combinação! (Risos)

Bom, quem quiser conhecer mais sobre meu trabalho pode acessar minhas páginas:
http://www.nestabloramos.com.br/
http://www.osprotetores.com.br/
http://zoo.my-free.website/

Para comprarem meus livros, acessem minha loja: http://loja.nestabloramos.com.br/

Para ouvirem o programa de rádio que apresento sobre cultura pop, todo sábado, das 10 ao meio dia, Enerdizando: http://www.enerdizando.com.br/

Sejam todos bem-vindos!

Nestablo, o HQ’s com Café agradece a oportunidade e te deseja todo sucesso do mundo, se você tiver mais alguma coisa para falar, essa é sua hora.

Acreditem em vocês, não percam tempo com distrações. Trabalhem duro que o sucesso virá. Só há uma forma de fazer isso: investir em vocês mesmos. Abraço a todos!

Leia outras Entrevistas.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×
  • Valeu pelo convite, turma! Adorei 😀

    • Henry Braga

      Somos nós que agradecemos! =)

  • Nestablo Ramos

    Ficou excelente, espero que todos gostem do papo. O prazer foi meu! Grande abraço a todos 😀

    • Henry Braga

      Nestablo, o prazer foi nosso. Você é um grande artista, abraço e sucesso.

  • Erika Sabrina

    O trabalho do Nestablo é sem dúvida excelente …mas vendo está entrevista não o reconheço. ..desculpe mas a pessoa arrogante que tive o desprazer de conhecer em um evento em Brasília não é o mesmo desta entrevista…mas repito . Comprei seu trabalho e até uns presentes para minha filha que adora o zôo . Mas …bom …é isso.