Batman vs Superman e o sentimento de nostalgia

0 Flares 0 Flares ×

Opinião com Café.

Fique tranquilo, aqui NÃO vai ter nenhum spoiler.

Talvez uma dos filmes mais difíceis para se falar, principalmente pelo fato de ter crescido assistindo a Liga da Justiça pela TV, e vendo a soberania da Marvel nos cinemas, logo me batia a sensação de que a DC não conseguiria adentrar ao mundo cinematográfico com qualidade.

O tempo passou, então anunciaram Batman Vs Superman: A Origem da Justiça, a ansiedade começou a nascer, e só foi aumentando enquanto os trailers saiam, então, quando finalmente saiu o filme, lá estava eu, com duas sensações, alegria e medo.

Alegria por estar vendo o nascer da Liga da Justiça no cinema, e o medo do filme ser ruim, e quando o filme começou outra sensação me tomou, nostalgia.

Dentro daquela sala, trancado por pouco mais de 2 horas e 30 minutos, foi impossível não se emocionar ao lembrar de um passado nem tão distante.

Sim, a DC chegou, se apresentou em um filme, e agora quer reunir todos seus heróis, eles estão

fazendo em um único longa o que a Marvel fez durante anos, e, por isso a história tenha que ser condensada demais, a rapidez com que os fatos são apresentados acaba sendo prejudicial não só para a trama, mas também para o público.

Na trama temos várias histórias jogadas na tela, algumas contadas de forma superficial, outras com muitas referências sobre HQ’s… essa é outra questão que divide o público e a “crítica especializada”, pois quem é fã conhece a história da Liga da Justiça, ela não precisa ser esmiuçada, assim como não é preciso citar as referências implícitas, nem que o filme é uma clara continuação de O Homem de Aço. 

Você acha que o Ben Affleck foi a evolução do Christian Bale?

O filme é feito para adulto, o Batman virou um cara marcado pelo tempo, e para quem achava que o Ben Affleck não daria conta do papel, se enganou, ele não só dá conta como é o melhor Batman já feito, tudo é perfeito nele, quando ele está no papel de Bruce Wayne o nível é o mesmo, ao contrário do Clark Kent que em certos aspectos deixa a desejar.

Enfim, não quero falar sobre partes técnicas, pois um filme dessa dimensão não merece ser rotulado como bom ou ruim, você apenas sente a emoção do que é passado, ou não, também não vou falar sobre o quão parecido com o Coringa o Lex Luthor se mostrou, quero deixar para que você vá ao cinema, assista o universo da DC nascer, e me conte o que achou.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×