Anos Incríveis | Você Não Entende Nada de Mulheres

0 Flares 0 Flares ×

Quando temos 13 – 14 anos, vivemos uma quantidade imensa de romances, hoje gostamos de uma, amanhã de outra, e Kevin está com vivendo bem essa época.

Episódio de Hoje: Você Não Entende Nada de Mulheres. (Episódio 34 – 3ª Temporada)

As aulas no laboratório de química começaram, e Kevin sonhava em ter como parceira a bela Susan Fischer, porém ele caiu com uma garota chamada Linda Sloan, ela era legal, esperta, engraçada, mas não era bonita, segundo os critérios de Kevin.

Os dias passam e Kevin continua babando em Susan, e com a proximidade do baile da escola ele deseja em chamar a bela garota, mas fica com medo de receber um não.

Linda incentiva o menino a tentar… então Kevin vai falar com Susan, mas na hora do convite ele é interrompido pelo ex namorado da menina, Donald.

Kevin fica louco, e briga com Linda, falando que a ideia dela foi péssima, no meio da discussão Linda chama Kevin para ir ao baile.

“Dizem que para cada um existe alguém, mas a procura por essa pessoa que será para toda vida é um caso sério”. – Kevin Arnold.

Kevin aceita, mas logo depois chega Susan e pedi para que Kevin dance uma música com ela, Kevin aceita também, porém logo percebe que tinha feito besteira, não teria como levar duas garotas ao baile, então ele resolve dispensar Linda, mas fica com remorso e acaba não fazendo isso.

O grande dia chega, e quando Kevin vai buscar Linda ele tem uma surpresa, a garota estava maravilhosa, os dois chegam ao baile e Kevin se encanta cada vez mais com Linda, até que um garoto surge e a tira para dançar, na mesma hora Susan aparece, e Kevin dança com ela para cumprir sua promessa.

Quando Linda e Kevin se encontram novamente ele fala para ela que estava esperando Susan, a garota fica triste e deixa o jovem Arnold sozinho, e para piorar, quando Kevin olha ao redor, ele vê Susan dançando com seu ex-namorado.

Resumindo, ele fica sem ninguém.

“Passamos a nossa juventude procurando alguém para amar… alguém que nos complete. Escolhemos parceiros e mudamos de parceiros, dançávamos uma musica que falava de mágoa e de esperança, enquanto ficávamos imaginando se em algum lugar existiria alguém perfeito procurando por nós”. – Kevin Arnold.

E bem no fim, aparece Kevin e Winnie, cada um no seu canto, os dois só, cada qual esperando seu “par perfeito”.

Leia mais sobre Anos Incríveis.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×