Opinião com Café | Janela Indiscreta

0 Flares 0 Flares ×

Filme de 1954 com 1 hora e 50 minutos de duração.

Sinopse: Em Greenwich Village, Nova York, L.B. Jeffries (James Stewart), um fotógrafo profissional, está confinado em seu apartamento por ter quebrado a perna enquanto trabalhava. Como não tem muitas opções de lazer, vasculha a vida dos seus vizinhos com um binóculo, quando vê alguns acontecimentos que o fazem suspeitar que um assassinato foi cometido.

Opinião com Café.

Nossa vida é vigiada por tudo mundo, por mais que você acredite que não, essa é a nossa realidade, de alguma forma você já foi “vigiado”, seja por câmeras, escutas, detetives, e principalmente os tão famosos vizinhos bisbilhoteiros.

Nesse filme dirigido por Alfred Hitchcock somos apresentados a Jeffries interpretado por James Stewart, ele é um fotógrafo profissional, mas em um dia de serviço ele teve sua perna quebrada, e isso o confinou em sua residência, o seu lazer então foi “vigiar” a vida de seus vizinhos.

Ele virou um legítimo detetive, ele sabia da vida de todos, e como era de se esperar, diversos tipos de vidas seus vizinhos levavam, tínhamos os recém casados, solteiros, dançarina de balé e um casal que não se dava muito bem, uma noite ele escutou um grito nessa residência e passou a suspeitar de um homicídio, essa é a história do filme.

Jeffries é aquele cara sarcástico, que tem resposta para tudo, principalmente quando se trata de debochar de sua namorada Lisa (Grace Kelly), ela é uma moça que fazia de tudo para que a relação dos dois desse certo, porém Jeffries via nela uma pessoa fútil, e estava tentando bolar um jeito de escapar da relação.

Mas algumas coisas começam a mexer com a cabeça de Jeffries, primeiro a questão do possível homicídio, depois o detetive amigo dele fala que ele estava delirando, porém sua namorada concorda de olhos fechados com tudo que Jeffries fala, e por fim sua enfermeira, Stella (Thelma Ritter) começa a se entrometer muito em sua vida, tudo isso começa a mexer com o psicológico do senhor.

A trama é muito bem construída, e Hitchcock consegue passar um ar de mistério muito bom, hora você acha que Jeffries é louco e hora você acha que ele está certo.

O que chama muito atenção é o cenário, o filme passa o tempo todo dentro do apartamento de Jeffries e a vista dele para os apartamentos vizinhos é muito bem construída, graças a isso e a boa atuação dos atores você acaba ficando fascinado pela história.

Nota 9.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×